São Paulo, 06 de Fevereiro de 2012


O Brasil ganha muito com a concessão nos aeroportos
 
O setor de infraestrutura vivenciou hoje, dia 6 de fevereiro, com o leilão de concessão de três dos principais aeroportos brasileiros - Cumbica (em Guarulhos), Viracopos (em Campinas) e Juscelino Kubitschek (em Brasília) -, um momento marcante e auspicioso.

Com R$ 16 bilhões de investimentos previstos ao longo do período de concessão nos três aeroportos, os usuários e as empresas de aviação contarão com uma infraestrutura renovada, ampliada e modernizada, com promessas de mudanças estruturais e modernizadoras.

Com R$ 24,5 bilhões em recursos arrecadados como outorga, o Estado viabiliza a modernização e a manutenção de inúmeros outros aeroportos do sistema federal, já que os recursos serão destinados a um fundo com essa finalidade.

O Brasil, no curto prazo, ofertará aos usuários uma infraestrutura aeroportuária melhor, ampliada e modernizada, para promover negócios e turismo, entre outras atividades.

Com regras claras e estáveis, com condições adequadas de financiamento, com agilidade nas etapas preparatórias, o modelo de concessão pode capturar a eficiência e a capacidade investidora de diversas empresas que atuam nos setores de infraestrutura.

Avançar nas concessões de infraestrutura significa propiciar geração de emprego e renda, melhoria na oferta de serviços de primeira necessidade para o bem-estar e para os negócios, ampliação na arrecadação de tributos e liberação dos recursos públicos para serem aplicados em áreas sociais.

O Brasil, hoje, com a realização bem-sucedida do leilão de concessão dos três aeroportos, inaugura uma nova etapa na infraestrutura aeroportuária do país, possível, em tempo recorde, graças ao esforço de autoridades públicas, especialistas e representantes de diversas empresas que trabalharam com agilidade e eficiência para transformar em realidade o que era uma meta bastante ousada.
Autor: Paulo Godoy é presidente da Abdib

18/07/2015 - Recursos hídricos e saneamento básico: Falta decisão política
04/11/2014 - Propostas para a infraestrutura
05/09/2014 - Uma agenda de mudanças para a infraestrutura
27/11/2013 - Finalmente, chega o ano das concessões
16/10/2013 - Infraestrutura: o risco do investidor e o papel do Estado
 
 Índice de Opiniões    Enviar por e-mail    Imprimir    Página inicial
Copyright © 2001-2020 Abdib. Todos direitos reservados.ClickW